18/11/2019  15h43
· Guia 2019     · O Guaruçá     · Cartões-postais     · Webmail     · Ubatuba            · · ·
O Guaruçá - Informação e Cultura
O GUARUÇÁ Índice d'O Guaruçá Colunistas SEÇÕES SERVIÇOS Biorritmo Busca n'O Guaruçá Expediente Home d'O Guaruçá
Acesso ao Sistema
Login
Senha

« Cadastro Gratuito »
SEÇÃO
Geral
12/10/2019 - 06h37
Qual é a jornada do estagiário?
Seme Arone Junior
 
A Lei 11.788/08 estabelece uma carga horária diferenciada para os estudantes

Atualmente temos mais de 12,6 milhões de brasileiros desempregados, segundo o Instituo Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE. Para as pessoas de 18 a 24 anos o contexto é ainda mais difícil, pois 25,8% delas estão sem uma colocação profissional. Nesse cenário, o estágio surge como a melhor maneira de inserir o jovem no mercado. Portanto, é relevante entender como ele funciona.

Antes de tudo, é preciso frisar: o ato educativo escolar não é emprego. Assim, possui características distintas da modalidade de contratação CLT, sendo regido pela Lei 11.788/08. O documento normativo define a atividade como uma ação de aprendizado a ser desenvolvida no ambiente laboral.

Assim, o objetivo é a preparação para a atuação produtiva de educandos. Portanto, a jornada é diferenciada. Para o ensino superior, profissional de nível médio e do ensino médio regular, é de 6 horas diárias e 30 horas semanais. No caso da educação especial, são 4h por dia e 20h por semana.

Essa carga menor foi estabelecida justamente para preservar a característica educativa do estágio. A prioridade do aluno é a escola, logo, o período na corporação deve ser um complemento para seu contato com o mundo corporativo. Também por esse motivo, nos dias de prova o participante pode ter o horário diminuído à metade. Essa redução, contudo, pode ser descontada da bolsa-auxílio e o período de avaliações deverá ser informado no Termo de Compromisso de Estágio (TCE).

Dessa maneira, o discente aproveita a chance para ter mais confiança com as novas responsabilidades. Além disso, descobre novidades sobre seu potencial. Socialmente, também melhora a qualidade de vida e patrocina os estudos por meio da bolsa-auxílio e demais benefícios.

Viu como vale a pena? Então, não perca tempo e invista no estágio! É bom para o jovem, para a empresa e para o Brasil!


Nota do Editor: Seme Arone Junior é presidente da Abres - Associação Brasileira de Estágios.

PUBLICIDADE
ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES SOBRE "GERAL"Índice das publicações sobre "GERAL"
16/11/2019 - 08h59 Defeso de oito espécies de peixes amazônicos
15/11/2019 - 07h54 Sua ideia pode virar selo em 2021
13/11/2019 - 06h38 Lipoaspiração e abdominoplastia
11/11/2019 - 06h13 Tendências da alimentação mundial
10/11/2019 - 05h45 Celulite
09/11/2019 - 07h43 Afinal, o que é estágio?
· FALE CONOSCO · ANUNCIE AQUI · TERMOS DE USO ·
Copyright © 1998-2019, UbaWeb. Direitos Reservados.