25/10/2021  22h38
· Guia 2021     · O Guaruçá     · Cartões-postais     · Webmail     · Ubatuba            · · ·
O Guaruçá - Informação e Cultura
O GUARUÇÁ Índice d'O Guaruçá Colunistas SEÇÕES SERVIÇOS Biorritmo Busca n'O Guaruçá Expediente Home d'O Guaruçá
Acesso ao Sistema
Login
Senha

« Cadastro Gratuito »
SEÇÃO
Economia e Negócios
16/09/2021 - 06h11
Crédito imobiliário dispara no Brasil
 
 

Ao contrário do que se observou em diversos setores da economia, o mercado imobiliário conseguiu atingir bons resultados durante a pandemia de Covid-19. O crescimento do setor de imóveis foi registrado em 2020 e, para 2021, são esperados números ainda melhores.

De acordo com Rafael Scodelario, especialista do mercado imobiliário e dono da Escodelar Inteligência Imobiliária, o crescimento do setor tem ocorrido por uma diversidade de fatores.

“A mudança de comportamento dos consumidores durante a pandemia impulsionou o mercado imobiliário. Contudo, precisamos levar em consideração, também, a oferta de crédito imobiliário, que disparou no Brasil em 2020 e em 2021”, explica Scodelario.

A afirmação do especialista é comprovada pela Abecip (Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança), que mostra que nos 12 meses até julho de 2021, o volume financiado com recursos da poupança (SBPE) chegou a R$ 185,6 bilhões de reais, o que representa um aumento de mais de 100% em comparação com o período anterior.

“Os dados mostram que, mesmo com o aumento dos juros cobrados pelos financiamentos - o que está diretamente ligado ao aumento da taxa Selic -, as linhas de crédito imobiliário têm sido procuradas pelos brasileiros. Uma das razões para esse cenário está nas facilidades oferecidas pelas instituições financeiras no que se refere ao pagamento das parcelas”, aponta Scodelario.

No Brasil, a Caixa Econômica Federal é responsável por cerca de 67% do crédito imobiliário, de acordo com Pedro Guimarães, presidente do banco. Em junho, a Caixa registrou seu maior recorde, já que teve o maior volume de contratações de crédito imobiliário de sua história.

“A digitalização do mercado imobiliário e, também, das instituições financeiras - como bancos e fintechs - fez com que as pessoas tivessem mais acesso ao crédito. Além disso, existe o programa Casa Verde e Amarela, do Governo Federal. Todos esses fatores têm contribuído para o crescimento do crédito imobiliário, que deve continuar a registrar bons resultados e a bater recordes nos próximos meses”, finaliza Scodelario.

PUBLICIDADE
ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES SOBRE "ECONOMIA E NEGÓCIOS"Índice das publicações sobre "ECONOMIA E NEGÓCIOS"
18/10/2021 - 05h13 Cinco motivos para contratar um idoso
17/10/2021 - 05h55 Como aumentar a produtividade no trabalho
08/10/2021 - 06h24 Você já ouviu falar em desligamento humanizado?
01/10/2021 - 05h50 Seu negócio ainda não está na Internet?
30/09/2021 - 05h31 BC aprova medidas adicionais de segurança para Pix
26/09/2021 - 06h04 Nova versão do aplicativo Bolsa Família
· FALE CONOSCO · ANUNCIE AQUI · TERMOS DE USO ·
Copyright © 1998-2021, UbaWeb. Direitos Reservados.