10/08/2022  23h46
· Guia 2022     · O Guaruçá     · Cartões-postais     · Webmail     · Ubatuba            · · ·
O Guaruçá - Informação e Cultura
O GUARUÇÁ Índice d'O Guaruçá Colunistas SEÇÕES SERVIÇOS Biorritmo Busca n'O Guaruçá Expediente Home d'O Guaruçá
Acesso ao Sistema
Login
Senha

« Cadastro Gratuito »
SEÇÃO
Economia e Negócios
25/04/2022 - 06h18
Especialista dá dicas de como usar saque do FGTS
 
 

Mais de 42 milhões de trabalhadores com direito ao saque extraordinário de até R$ 1 mil do Fundo de Garantia de Tempo de Serviço (FGTS) começaram a receber deste quarta-feira (20). De acordo com a Caixa Econômica Federal, a medida pode injetar R$ 30 bilhões na economia. O valor liberado vai depender do saldo que cada pessoa possui, considerando a soma disponível de todas as contas. O pagamento será feito conforme o mês de nascimento e segue até 15 de junho. Os primeiros a receber são os nascidos em janeiro. Quem nasceu em fevereiro vai poder sacar o dinheiro em 30 de abril.

O valor, no entanto, deve ser usado com cautela, de acordo com o doutor em Administração e professor de Finanças da Universidade Positivo (up.edu.br), Itamir Caciatori Júnior. “A primeira coisa a se fazer é pensar nas obrigações, principalmente naquelas que estão vencidas em bancos e financeiras, como empresas de cartão de crédito, já que são as que possuem juros e taxas mais altas. A quitação de dívidas em atraso é prioridade”, explica.

De acordo com o especialista, esse não é o tipo de dinheiro que deve ser usado para lazer ou diversão. “Para quem tem dívidas, é necessário fazer três perguntas básicas: Quanto eu devo? O que eu vou pagar? Como eu vou negociar? Na primeira, é preciso procurar os credores e checar o valor original da dívida, sem juros e multas, que até desestimulam a quitação. Na sequência, é necessário pagar as dívidas mais caras e antigas, seguindo pela ordem de cartão de crédito, crédito pessoal, financiamentos de veículo e imobiliário. Por último, é fundamental tentar um valor mais perto da dívida original e, se for o caso, dar entrada no pagamento de todas as dívidas, para não quitar apenas um credor e ficar com o nome ‘sujo’ no restante”, aconselha.

De acordo com o professor, para quem não tem dívidas, é momento de poupar e aplicar o dinheiro. “É possível investir no Tesouro Direto, por exemplo, a partir de R$ 30, e a modalidade mais recomendável para começar é o Tesouro SELIC, com rendimento de 11,75% ao ano. Isso já vai estimular a disciplina de poupar e, com o tempo, é possível conhecer outras aplicações e investimentos”, orienta.

PUBLICIDADE
ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES SOBRE "ECONOMIA E NEGÓCIOS"Índice das publicações sobre "ECONOMIA E NEGÓCIOS"
03/08/2022 - 06h14 Microfranquias crescem e ganham espaço no país
02/08/2022 - 06h18 O momento certo de comprar e vender criptomoedas
23/07/2022 - 06h21 CMN revoga normas de antigo fundo do Pasep
18/07/2022 - 06h41 Gestão de custos e planejamento a longo prazo
15/07/2022 - 06h39 Vendas no varejo crescem 0,1% em maio, diz IBGE
13/07/2022 - 06h22 Motivos de demissão por justa causa
· FALE CONOSCO · ANUNCIE AQUI · TERMOS DE USO ·
Copyright © 1998-2022, UbaWeb. Direitos Reservados.