15/12/2019  18h19
· Guia 2019     · O Guaruçá     · Cartões-postais     · Webmail     · Ubatuba            · · ·
O Guaruçá - Informação e Cultura
O GUARUÇÁ Índice d'O Guaruçá Colunistas SEÇÕES SERVIÇOS Biorritmo Busca n'O Guaruçá Expediente Home d'O Guaruçá
Acesso ao Sistema
Login
Senha

« Cadastro Gratuito »
COLUNISTA
Elcio Machado
24/05/2014 - 14h08
Luiz Moura reuniu-se com o PCC
 
 

Calma, calma, calma. Não se trata do editor da nossa revista eletrônica de Ubatuba O Guaruçá, que jamais se envolveu com patranhas semelhantes. Que eu saiba, nem com petistas – e quase digo, por tanto ler aqui e alhures, “petralhas”, vocábulo que não uso porque soa preconceituoso.

Trata-se do deputado estadual paulista Luiz Moura (PT), segundo noticia a Folha de São Paulo, em página disponível no portal Uol. Diz a notícia, citando informações obtidas pelo jornal junto à cúpula da polícia paulista, que, em março deste ano, Luiz Moura, o deputado petista, participou de reunião na qual estavam presentes ao menos 13 integrantes da facção criminosa PCC. Continua o jornal dizendo que a reunião foi na sede da Transcooper (zona leste da capital) e que, diz agora o jornal “suspeitos de ligação com o PCC”, “11 não tinham ônibus ou qualquer ligação com a cooperativa que justificasse a presença deles no local”.

Continua o jornal dizendo que a Polícia Civil foi até a sede da Cooperativa durante investigação dos ataques a ônibus no início do ano, “quando mais de 70 veículos tinha sido incendiados durante protestos em várias partes da capital” (sic).

Respondendo ao jornal, por meio de sua assessoria, o parlamentar disse que esteve na sede da cooperativa “para tratar de assuntos de interesse da categoria”.

Tem folha corrida o nobre deputado. Diz a notícia da Folha que ele foi eleito pelo PT em 2010 com mais de 100 mil votos e que, na década de 1990, chegou a ficar preso por um ano e meio, condenado por assalto a mão armada a um supermercado no Paraná. Conseguiu fugir e ficou foragido por cerca de dez anos, diz a notícia.

Acrescentou o jornal que “em 2006, o deputado conseguiu na Justiça sua reabilitação (quando suas dívidas com a lei passavam a ser consideradas quitadas) e, no mesmo ano, filiou-se ao PT”.

Não sei o número da ficha de filiação ao PT. Pode ter sido 176-671, 176-761, 176-176, 171-766, ou qualquer outro. Melhor nem especular. E eu que, em minha ingenuidade, santa ingenuidade, achava que o abrigo perfeito para bandidos estava em outro partido, repleto de pastores frequentadores de presídios, e que mistura linha religiosa ocidental com uma propaganda “social”?

Eleito com 104.705 votos, Luiz de Moura Pereira nasceu em Batalha (AL). Felizmente, com nenhum voto em Ubatuba. Mas com 117 em Caraguatatuba, conhecido reduto de um autoproclamado “partido”, conforme seu “estatuto”.


Nota do Editor: Elcio Machado (cidadania.e@gmail.com), 60, batizado como Elciobebe, sob as bênçãos e maldições de Cunhambebe, caiçara em construção. Mantém o blog Exercícios de Cidadania (cidadania-e.blogspot.com). Permitida a reprodução, desde que citados a fonte e o endereço eletrônico original.
PUBLICIDADE
ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES SOBRE "GERAL"Índice das publicações sobre "GERAL"
14/12/2019 - 08h10 Violência contra idoso
13/12/2019 - 06h41 Internet Banking com segurança no final de ano
11/12/2019 - 05h06 CPF de destinatário em encomendas internacionais
06/12/2019 - 06h32 Uso correto do repelente nas crianças
04/12/2019 - 07h21 Para não estragar as festas de final de ano...
03/12/2019 - 06h18 Dia Internacional da Pessoa com Deficiência
ÚLTIMAS DA COLUNA "ELCIO MACHADO"Índice da coluna "Elcio Machado"
25/10/2018 - 08h35 Non siamo tutti buona gente
23/12/2015 - 08h02 Um ano desde o assassinato de Guerra em Ubatuba
01/12/2015 - 08h08 Escrafunchando o lagamá de Ubatuba
22/04/2015 - 08h04 Ubatuba não terá Calatrava nem Otake
08/03/2015 - 08h05 O Guaruçá e as mulheres, união indissolúvel
10/02/2015 - 08h07 Ubatuba: inquérito sobre Guerra não progride
· FALE CONOSCO · ANUNCIE AQUI · TERMOS DE USO ·
Copyright © 1998-2019, UbaWeb. Direitos Reservados.