24/06/2019  16h45
· Guia 2019     · O Guaruçá     · Cartões-postais     · Webmail     · Ubatuba            · · ·
O Guaruçá - Informação e Cultura
O GUARUÇÁ Índice d'O Guaruçá Colunistas SEÇÕES SERVIÇOS Biorritmo Busca n'O Guaruçá Expediente Home d'O Guaruçá
Acesso ao Sistema
Login
Senha

« Cadastro Gratuito »
COLUNISTA
Celso Fernandes
12/01/2019 - 08h02
O vira, vira, virou governamental
 
 
Tevê à manivela

“Surpresas inesperadas, ainda que daquelas previamente aguardadas, já não surpreendem tanto assim”.

Haja visto que dentro de um quadro de governo de meio campo tumultuado de Michel Temer, nada incrível também de se dizer que o mundo ainda gira. Para alguns chega até a fazer piruetas.

Mas turbulências do que escândalos sobre escândalos, ex-presidente sendo preso, um Congresso à beira do caos, propinas, compra de votos, caixa dois, e finalmente a concessão do indulto de final de ano. Qual benefício melhor a presidiários mesmo sem o STF (Supremo Tribunal Federal) ter concluído julgamento sobre o decreto do ano passado, contestado pela PGR (Procuradoria Geral da República), ora, acreditar em “Papai Noel” presidencial de última hora, impossível. Algum gesto a mais dele no apagar das luzes?

Em suma, deixar de fora quem cometeu crimes contra a administração pública, idem, sem palavras. Porém, quem cometeu estupros ou assassinato não é suportável com aquilo que podemos dizer da ficha de compensação no referente a figuras já conhecidas e de escalão pública que cumprem penas, obtendo benefício imediato. O que chamam de “habeas corpus” de tabela e/ou de nível Ajax! Dá para entender se as regalias podem ir mais além? Caso da Cabral, Pezão, prefeitos, excelências, dinheiro “honesto”, declarado à justiça etc.

Algo mais a temer quanto aos bastidores do Planalto, o que esperamos de Jair Bolsonaro, Câmara dos Deputados – muitos deles então eleitos, porém, já impedidos de assumirem seus cargos por delitos antecipados? Harmonia entre os poderes, tomam decisões relâmpagos arbitrárias, ofendem a sociedade – como se a própria não merecesse respeito? E o que seria mesmo de verdade mandar soltar 170 mil presos sobre a tal liminar assinada pelo ministro Marco Aurélio. Ora, beneficiar a tantos condenados em segunda instância para beneficiar apenas um especial não seria tão grave assim. Tivesse lá a canetada Suprema sido aceita, a virada teria sido deveras única para o ex-presidente Lula com tudo o que mais a Lava Jato fez pelo país.

Feliz 2019 para todos!

Vira, vira, virou...


Nota do Editor: Celso Fernandes (modarougebatom.blog.terra.com.br), jornalista, poeta e escritor, autor de “As duas faces de Laura”, “O Sedutor”, “Sonho de Poeta” (Ed. Edicon), entre outros. Colunista de Moda, Cultura & TV, escreve semanalmente em jornais, revistas e sites relacionados às áreas.
PUBLICIDADE
ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES SOBRE "CRÔNICAS"Índice das publicações sobre "CRÔNICAS"
24/06/2019 - 07h07 Terapia de vidas futuras
23/06/2019 - 06h57 Coragem vírgula
21/06/2019 - 06h51 Confissões em silêncio
20/06/2019 - 08h02 O maior vendedor de rifas
19/06/2019 - 07h30 Com bons exemplos para as crianças
17/06/2019 - 08h28 Nas ruas, com fé, todos os corpos de Cristo
ÚLTIMAS DA COLUNA "CELSO FERNANDES"Índice da coluna "Celso Fernandes"
15/06/2019 - 08h55 A culpa é de quem?
09/06/2019 - 06h35 Papos e sopapos envelhecidos!
01/06/2019 - 06h05 Fatos, fatos e mais fatos!
28/05/2019 - 07h54 Os culpados são sempre os outros
21/05/2019 - 05h42 Muitos pesos, poucas medidas
12/05/2019 - 05h37 O certo, o errado e o menos duvidoso
· FALE CONOSCO · ANUNCIE AQUI · TERMOS DE USO ·
Copyright © 1998-2019, UbaWeb. Direitos Reservados.