05/02/2023  01h32
· Guia 2023     · O Guaruçá     · Cartões-postais     · Webmail     · Ubatuba            · · ·
O Guaruçá - Informação e Cultura
O GUARUÇÁ Índice d'O Guaruçá Colunistas SEÇÕES SERVIÇOS Biorritmo Busca n'O Guaruçá Expediente Home d'O Guaruçá
Acesso ao Sistema
Login
Senha

« Cadastro Gratuito »
COLUNISTA
Julinho Mendes
30/12/2022 - 05h37
É pracabá
 
 
Julinho Mendes 

Maravilha que Ubatuba foi finalista do prêmio Top Destinos Turísticos em duas categorias: Ecoturismo e Sol e Praia. Sinceramente não vejo glórias à administração, a glória deve ser dada a Deus, que criou toda essa beleza emoldurada por matas, montanhas, praias e o sol que ilumina o mundo todo, então esse prêmio não é mérito de administração alguma. O que fazem, como “bons políticos” que são, é sair na foto e ter um bando de gente fazendo agradinhos, mas faz parte, até o momento em que as pessoas não se deixarem levar por imagem ou discursos bonitos.

A nossa eterna poetiza Idalina Graça, batizou Ubatuba como sendo a “Esmeralda do Atlântico”, pelo menos em seu olhar enquanto era viva; de lá pra cá, essa esmeralda veio sendo ofuscada devido a poluição e ambição depredatória de todos os tipos. Consequência do progresso? Sim, do progresso e principalmente de politicosinhos sem visão e sem noção em preservar o belo, a natureza, a limpeza e vida de nossos rios, mar e praia, em preservar o patrimônio, valorizar a história e nossa rica cultura, enfim. Tanto isso é verdade e notório, que dentre as 17 categorias de premiação, Ubatuba ganhou o que Deus deixou: Ecoturismo, sol e praia. Mérito à Deus! Das coisas que deveriam ter sido feita e da alçada da administração, NÃO GANHOU prêmio de: Turismo de Aventura; de Compras; Cultural; de Esportes; de Estudos e Intercâmbio; Gastronômico; Náutico; de Negócios e Eventos; de Parques Temáticos; de Parques Naturais; de Pesca; Religioso; Rural; de Saúde e Social. Não direi nada, mas se os organizadores do evento soubessem, quantas árvores foram cortadas na região central da cidade e quanta mata vem sendo destruída com invasões em nossa ruralidade, com certeza retirariam o prêmio de ecoturismo. Tá feio a coisa!

Como sempre falo, as administrações de, mais ou menos 35 anos pra cá, na questão turismo ou “desturismo” seguem-se, um no carreirinho do outro, sem evolução alguma, não conseguiram e não conseguem enxergar que o Turismo é o grande lance para o desenvolvimento socioeconômico de uma cidade. Numa coisa os politiqueiros são avançados, sabem que, por Ubatuba ter praia e sol já tá bom demais; e ganham votinhos e dinheiro cobrando licença de ambulantes que desordenadamente invadem as praias, ganham milhões com Zona Azul, com taxa ambiental, taxa de ônibus, enfim, é essa a tacanha mentalidade.

Vão dizer que sou contra essas cobranças de taxas? Que sou contra essa administração?

A cada prefeito(a) que surge, torço para que faça um trabalho diferenciado, e não sou contra a atual administração, sou contra a forma que há 35 anos as administrações vem atuando na cidade. Não sou contra a cobrança de taxa, desde que o dinheiro seja bem aplicado e visto pela população, com lixeiras padronizadas, bancos confortáveis, jardins cuidados... no mínimo uma pinturinha.

As imagens que vemos acima são de artefatos para uso público, espalhados, abandonados, estragados, denegrindo a cidade e mostrando a ingerência, falta de profissionalismo no Turismo, falta de carinho e amor pela cidade. 35 anos nessa situação! E pelo que vemos, de pretensos candidatos querendo entrar, vamos ter mais 35 anos seguindo o carreirinho de mesmice.

E o que é aquele “pau de sebo” cheio de lixo pendurado lá na praça do esqueleto? É PRACABÁ! - Qual turista vai tirar uma fotografia de lembrança ao lado daquela coisa feia? Mostrar e tentar conscientizar que os rios e praias estão cheios de lixo, com aquilo? Não é eficaz! As TV’s, internet, o celular, diariamente tentam conscientizar, mas tem o Zé povinho para emporcalhar tudo.

Eu posso aqui passar para a prefeita e ou para a senhora Fundart, sem custo algum, uma receita, a qual realizei com sucesso no Museu Caiçara tempo atrás, UM CONCURSO DE ÁRVORES DE NATAL. Dê uma boa premiação e valorize o artista da cidade, que vocês verão o que o povo de Ubatuba vai mostrar de belo em uma árvore de Natal, assim também como acontece em outras cidades, um concurso de presépio. Dá pra dar um bom prêmio com apenas um dia de arrecadação da Zona Azul!

É isso aí. E vamos sair da mesmice porque o Papai Noel, de ver lixo e ver feiura pela cidade, já tá de saco cheio.

E que Papai Noel tenha em seu saco, bastante colírio “desofuscador” para presentear a turma dos dois “poderes”, e fazer com que a esmeralda volte a brilhar.

PUBLICIDADE
ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES SOBRE "CRÔNICAS"Índice das publicações sobre "CRÔNICAS"
31/12/2022 - 07h23 Enfim, `Arteado´!
29/12/2022 - 06h33 Onde nascem os meus monstros
28/12/2022 - 06h39 Um Natal adulto
27/12/2022 - 07h36 Holy Night
26/12/2022 - 07h44 A vitória da Argentina
ÚLTIMAS DA COLUNA "JULINHO MENDES"Índice da coluna "Julinho Mendes"
04/11/2022 - 05h45 Impávido cara-pálida
19/09/2022 - 06h08 Não esqueçamos...
15/08/2022 - 06h22 A educação e a mendicância
17/09/2021 - 06h30 Analogia Luso-Tupinambá
30/10/2020 - 06h41 Renovos tempos - O nosso boi renasce do mar!
· FALE CONOSCO · ANUNCIE AQUI · TERMOS DE USO ·
Copyright © 1998-2023, UbaWeb. Direitos Reservados.