24/08/2019  21h24
· Guia 2019     · O Guaruçá     · Cartões-postais     · Webmail     · Ubatuba            · · ·
O Guaruçá - Informação e Cultura
O GUARUÇÁ Índice d'O Guaruçá Colunistas SEÇÕES SERVIÇOS Biorritmo Busca n'O Guaruçá Expediente Home d'O Guaruçá
Acesso ao Sistema
Login
Senha

« Cadastro Gratuito »
SEÇÃO
Opinião
09/02/2019 - 08h29
Mais metas e menos promessas
Tatiana Schuchovsky Reichmann
 

O início do ano é marcado por pensamentos positivos, agradecimentos e promessas, seja no campo financeiro, familiar ou relacionado à saúde. Com certeza 2019 começou assim para inúmeras pessoas. Muitos entraram em janeiro pensando: “esse ano vou começar isso”, “desse ano não passa aquilo”!

Mas, já em fevereiro, quantas pessoas estão de fato fazendo algo para atingir as metas estabelecidas? Pensamentos positivos e desejos não se transformam em resultados sem um plano de ação. Colocar em prática é parte fundamental do processo na busca por um objetivo.

Há anos trabalhando com investimento imobiliário percebo que muitos falam sobre conquistar a casa própria, a independência financeira por meio de aluguel de imóveis ou uma aposentadoria tranquila, mas, na prática, não sabem como agir para alcançar as metas traçadas.

O primeiro passo seria colocar no papel a renda total da família e todos os gastos mensais. É importante avaliar como o dinheiro está sendo gasto e quais despesas podem ser cortadas, visando-se um objetivo maior. Afinal, conquista requer esforço, mas não necessariamente sacrifício. O planejamento é a chave.

Quem tem dificuldade em poupar ou traçou uma meta a médio ou longo prazo pode ter o consórcio imobiliário como grande aliado. A modalidade atende a diferentes perfis de investidores, pois oferece diversos valores de crédito. As parcelas não têm juros, e há reajuste anual do crédito com base no Índice Nacional de Custo da Construção (INCC), o que mantém o poder de compra do consorciado. A contemplação acontece por meio de sorteio, realizado pela Loteria Federal, ou lance. As vantagens do consórcio são inúmeras!

Colocar em prática os desejos de ano-novo não precisa ser complicado. Basta deixar as promessas de lado e começar a fazer algo agora. Assim, a próxima virada terá mais conquistas do que promessas.


Nota do Editor: Tatiana Schuchovsky Reichmann é diretora-presidente da Ademilar Consórcio de Investimento Imobiliário.

PUBLICIDADE
ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES SOBRE "OPINIÃO"Índice das publicações sobre "OPINIÃO"
24/08/2019 - 08h55 Amamentar é possível
24/08/2019 - 08h50 Tecnologia não é apanágio
23/08/2019 - 06h55 O ônibus, o sequestro e a segurança
23/08/2019 - 06h51 Boas novas para os hortifrutis
22/08/2019 - 06h55 Direito na tecnologia e tecnologia no Direito
22/08/2019 - 06h51 MP da Liberdade Econômica: libertará mesmo?
· FALE CONOSCO · ANUNCIE AQUI · TERMOS DE USO ·
Copyright © 1998-2019, UbaWeb. Direitos Reservados.