11/12/2018  11h40
· Guia 2018     · O Guaruçá     · Cartões-postais     · Webmail     · Ubatuba            · · ·
O Guaruçá - Informação e Cultura
O GUARUÇÁ Índice d'O Guaruçá Colunistas SEÇÕES SERVIÇOS Biorritmo Busca n'O Guaruçá Expediente Home d'O Guaruçá
Acesso ao Sistema
Login
Senha

« Cadastro Gratuito »
COLUNISTA
Eduardo Souza
07/06/2012 - 08h02
Sobre a defecação das aves e outras considerações
 
 

Fui provocado pelo Julinho Mendes a explicar o motivo pelo qual acabará logo "a farra dos pássaros de comerem a polpa e cagarem semente", uma forma eficaz de plantio na Mata Atlântica. Talvez seja porque temos bastante bípedes sem penas fazendo merda há algum tempo neste município, e dessa semeadura nada viceja.

Brincadeiras à parte, gostaria de me referir ao texto "Região Metropolitana" do Celsinho no Blog Ubatuba Víbora. É um texto bastante oportuno que nos coloca um problema fundamental ao futuro de Ubatuba: achar os interlocutores que representem Ubatuba e colham os dividendos dos investimentos que a região terá com a criação da Região Metropolitana do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira (www.regiaometropolitana.com).

Penso que se já tivesse sido implementada a Lei do Plano Diretor do Município – Lei nº 2892, de 15/12/ 2006 – não estaríamos, mais uma vez, correndo o risco de sermos pegos de calças curtas e de ficar para trás, a reboque de outras cidades. A Lei do Plano Diretor prevê a criação de diversos conselhos e câmaras técnicas. Essa forma de participação da sociedade civil estaria apta em dizer o que queremos e o que não queremos para Ubatuba, nomear interlocutores capazes de serem portadores dos nossos legítimos interesses.

Que impacto terá em Ubatuba a duplicação da Tamoios? E a construção do Contorno Norte? E a inserção do Município na recém-criada Região Metropolitana? Corremos o risco de tornarmo-nos apenas uma área de lazer barato às cidades do interior que fazem parte dessa Região? Planejar é antever, é prevenir, é antecipar-se aos problemas. Se tivermos mais uma onda de imigração, por conta do desenvolvimento da região, será o fim deste município? Estamos nos preparando para isso?

Até agora, não vi nenhuma liderança política sinalizar nesse sentido. A impressão que se tem é a de que essas lideranças ou não têm noção da importância desses assuntos e continuam com o velho discurso feijão com arroz para a administração do município, ou têm consciência, porém, silenciam porque não consta de seus planos políticos administrarem com tanta participação popular direta. Enquanto isso, Julinho, sai de baixo que é urubu quem está cagando...


Nota do Editor: Eduardo Antonio de Souza Netto [1952 - 2012], caiçara, prosador (nas horas vácuas) de Ubatuba, para Ubatuba et orbi.
PUBLICIDADE
ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES SOBRE "UBATUBA"Índice das publicações sobre "UBATUBA"
11/12/2018 - 06h39 E nas areias de Ubatuba... (CCXXXIX)
11/12/2018 - 06h37 Pauta da Sessão da Câmara de Ubatuba para 11/12
10/12/2018 - 08h01 Nota de esclarecimento da Prefeitura de Ubatuba
08/12/2018 - 09h22 Programação de Natal em Ubatuba
08/12/2018 - 09h20 Hoje, 8, tem `Concertada´ no Tamar em Ubatuba
07/12/2018 - 07h44 Surfe feminino ganha espaço em Ubatuba
ÚLTIMAS DA COLUNA "EDUARDO SOUZA"Índice da coluna "Eduardo Souza"
04/10/2012 - 19h00 Nota de agradecimento
05/06/2012 - 09h00 História em quadrinhos
30/05/2012 - 08h01 `Capitão Deolindo´ - o nosso ginásio
25/05/2012 - 10h08 Morro da Prainha
09/05/2012 - 10h01 Eu?... Passarinho!






· FALE CONOSCO · ANUNCIE AQUI · TERMOS DE USO ·
Copyright © 1998-2018, UbaWeb. Direitos Reservados.