14/08/2022  10h36
· Guia 2022     · O Guaruçá     · Cartões-postais     · Webmail     · Ubatuba            · · ·
O Guaruçá - Informação e Cultura
O GUARUÇÁ Índice d'O Guaruçá Colunistas SEÇÕES SERVIÇOS Biorritmo Busca n'O Guaruçá Expediente Home d'O Guaruçá
Acesso ao Sistema
Login
Senha

« Cadastro Gratuito »
COLUNISTA
Norberto Kovacevick
15/01/2011 - 11h18
Nada se cria, tudo se copia
 
 

Em se tratando de sites de relacionamento como: Orkut e Facebook entre outros, seguem todos para a mesma vala, ou seja, uma vala comum.

Poucas são as coisas que diferenciam um do outro, determinado site você contata apenas pessoas conhecidas no próprio país, outro já se estende internacionalmente e outro apenas se você inserir uma foto sua terá direito de acessar o site.

Bem, comentários a parte, mas vejo que um é a extensão do outro.

Há um site de relacionamento profissional que tem a intenção de contatos profissionais com antigos colegas de trabalho, ofertas de empregos, o convidado poderá “seguir os passos” (no bom sentido) da empresa de interesse, enfim. Este site chamado LinkedIn já tem um diferencial, abrange outro foco, o lado profissional das pessoas que por lá estão incluídas.

Já os de “vala comum” praticamente abrangem o mesmo foco com alguns diferenciais, mas diferenciais de configurações do site e nada mais.

Todos nós que participamos e nos incluímos nestes sites, acabamos tendo diversas “contas” para encontrar colegas e amigos, inserir fotos, fazer comentários e tudo mais.

Portanto, vejo a grande competição comercial entre seus criadores como: Orkut Buyukkokten, engenheiro turco do Google, criador do Orkut; Mark E. Zuckenberg, americano, criador bilionário de 26 anos do Facebook, sem contar com outros sites concorrentes como: MySpace e Badoo.

Já o LinkedIn, criado em 2003 pelo empresário americano Reid Hoffman, conta hoje com 41 milhões de usuários - 500 mil deles só no Brasil, o que faz o país figurar na lista dos dez maiores em número de cadastrados. Gratuitamente, profissionais de qualquer área e escolaridade podem se cadastrar e participar de grupos de empregos. Mesmo com essa democracia, o LinkedIn se tornou referência para headhunters em busca de profissionais qualificados. E tem se mostrado eficaz.

Quem ainda não conhece este site, vale à pena conferir.

Encontro você por lá.


Nota do Editor: Norberto Kovacevick é Coordenador de Vendas, Palestrante e Professor em Vendas.
PUBLICIDADE
ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES SOBRE "INFORMÁTICA E INTERNET"Índice das publicações sobre "INFORMÁTICA E INTERNET"
26/01/2022 - 05h47 Agência Brasil explica o que são cookies
20/04/2021 - 06h28 Cyber segurança e os dados
11/02/2021 - 06h10 Dia da Internet Segura
03/08/2020 - 07h40 Brasil, o país do podcast
02/08/2020 - 06h25 Como evitar ataques cibernéticos em home office
27/06/2020 - 06h53 Como evitar ataques cibernéticos em home office
ÚLTIMAS DA COLUNA "NORBERTO KOVACEVICK"Índice da coluna "Norberto Kovacevick"
22/04/2012 - 11h00 Frases de motivação para vendas
21/12/2011 - 12h15 Vendas: lidando com objeções
25/08/2011 - 15h05 A pedra no caminho
14/08/2011 - 10h04 10 dicas para ser um super vendedor
03/05/2010 - 05h29 Geração WWW
· FALE CONOSCO · ANUNCIE AQUI · TERMOS DE USO ·
Copyright © 1998-2022, UbaWeb. Direitos Reservados.